Saúde|Procedimentos para se livrar das varizes

Grupo encapuzado toma viatura da Polícia Civil e cerca agentes durante greve em Fortaleza
20 de fevereiro de 2020
Confira o vídeo|Carnaval da Escola Educandário toma as ruas de Santaluz com muita Alegria.
22 de fevereiro de 2020

Saúde|Procedimentos para se livrar das varizes

Os procedimentos para se livrar das varizes pode ser a sua chance de ter pernas ainda mais bonitas e com a pele uniforme e jovem.

Vamos começar?

O que são as varizes

Geralmente benignas, as causas das varizes ainda são consideradas desconhecidas, ainda que possam existir uma série de fatores que contribuem com o aparecimento dessas marcas.

Figura 1 Photo by Vanusa Oliveira on Pinterest

As varizes aparecem nas pernas e é mais comum em quem precisa ficar de pé por muito tempo, deixando a sensação de inchaço e causando desconfortos.

Basicamente, esse problema acontece quando as veias não funcionam como deveriam, fazendo com que a circulação seja comprometida e causando a deformação das veias.

O resultado disso é o aumento na sensibilidade e o visual de veia estourada.

Como atrapalham a estética, é comum que as mulheres acabem optando por procedimentos para se livrar das varizes ou mesmo uso de medicamentos, em casos de dores.

Assim, pode ser indicado o uso de meias de compressão, atividades físicas ou mesmo a remoção dessas veias.

5 procedimentos para se livrar das varizes

Ainda que a maior parte dos procedimentos para se livras das varizes seja realizado por uma questão estética, é importante ressaltar que existem casos onde isso é necessário devido à má circulação.

Então, antes de mais nada, procure e converse com um profissional e siga a recomendação médica de tratamento.

Escleroterapia com espuma:

Considerado como um dos procedimentos mais conhecidos, a espuma, como é conhecida, se refere ao polidocanol, sendo utilizado uma concentração de até 3% da substância, sempre misturada com ar.

De maneira simples, é utilizada uma seringa com a mistura e aplicada diretamente na região.

Entretanto, tal tratamento é mais comum em vasinhos menores, já que não há uma base científica que apoie o uso do polidocanol em veias grandes.

Figura 2 Photo by Patricia on Pinterest

Vale ressaltar que esse é um dos tratamentos mais antigos e que a versão liquida da substância já foi utilizada, mas a ação era temporária devido a rápida absorção.

Aplicações a laser:

Os tratamentos a laser ficam cada vez mais famosos, sendo uma recomendação médica, muitas vezes, menos agressiva e invasiva.

No caso das varizes, o tratamento é feito aplicando os feixes de laser na pele, onde estão os vasinhos.

O tratamento é bastante eficiente porque a luz é capaz de aquecer aquele vaso e fazer com que ele se feche ou mesmo com que o organismo o absorve, ou seja, ele desaparece.

Porém, o laser é indicado para varizes mais finas, de calibre menor.

Isso porque, veias muito grossas exigem uma quantidade muito alta de luz, algo que poderia causar manchas na pele.

Escleroterapia com glicose:

Exatamente.

Com o avanço da medicina, descobriu-se que a glicose poderia ser utilizada com diversos fins, inclusive nas varizes, já que o corpo tolera melhor a substância.

Como resultado, os riscos de complicações, como alergias e coceiras, são menores, mesmo que funcione de forma semelhante a espuma.

Nesse caso, a escloterapia é aplicada diretamente na pele, perto dos vasos e a glicose pode ou não estar misturada com outros agentes.

Essa questão, de mistura, varia de acordo com cada paciente bem como com a experiência do médico.

Entretanto, a recomendação médica é que esse tipo de procedimento não seja realizado por pacientes diabéticos.

Afinal, as aplicações de glicose podem gerar picos na corrente sanguínea.

Cirurgia de endolaser:

Figura 3 Photo by Balança Certa on Pinterest





Para finalizar, as chamadas cirurgias de endolaser são a última alternativa para pacientes que sofrem com varizes, sendo geralmente recomendada para casos mais graves.

Desse modo, o procedimento consiste em inserir uma sonda na região e ressecar a veia inteiramente, através de energia luminosa.

Ou seja, é um tipo de cauterização.

Na maior parte dos casos, esse tipo de tratamento é indicado para varizes de grande calibre, sendo necessário um atendimento cuidado para o ressecamento total, ou a veia pode voltar a se abrir.

Para tal ação, e para evitar a cauterização de outros vasos e nervos, o profissional injeta soro fisiológico antes de ressecar.

O soro é capaz de separar a veia dos demais tecidos que a circundam, garantindo um ressecamento seguro.

Por se tratar de um procedimento cirúrgico, a recomendação médica é ficar de repouso por, ao menos três dias.

Porém, existem casos em que se faz necessário um repouso maior, de até quinze dias.

Cirurgia comum:

Além da cirurgia de endolaser, existe a cirurgia tradicional para se livrar das varizes.

Neste cenário, o cirurgião responsável vai fazer algumas micro-incisões, geralmente duas, no tornozelo e na virilha.

Através dessas incisões são colocados um tipo de cabo, chamado de fleboestrator, que vai passar dentro da variz e a retirar.

Figura 4 Photo by SHEfinds on Pinterest





Desse modo, é feita a real remoção daquele vaso.

Por ser também um procedimento cirúrgico, a recomendação médica é ficar de repouso por, mais ou menos, quinze dias e evitar exposição solar.

Ao mesmo tempo, é essencial fazer uso de meias elásticas ou de compressão, de acordo com o que o profissional recomendar.

Importante: essa cirurgia é pouco recomendada porque existe os ricos de embolia e trombose, mesmo que sejam mínimas.

Afinal, a escleroterapia dói?

Uma dúvida muito comum sobre as injeções para se livrar as varizes e até mesmo do laser é sobre a dor.

No geral, os pacientes afirmam que o procedimento pode ser bastante incômodo e pouco doloroso, ou seja, alguma coisa você vai sentir.

Com base nisso, muitos profissionais fazem uso de anestésicos locais, que podem auxiliar durante o tratamento.

Outra informação relevante é que o número de sessões necessárias para se livrar totalmente das varizes muda de acordo com o paciente, já que é preciso avaliar a extensão dos casos.

A recomendação médica inclui esperar um tempo médio entre cada uma das sessões que, quase sempre, é em torno de cinco dias ou mais.

O tratamento de radiofrequência também tem aumentando bem como o uso de cremes e loções que podem combater os sintomas ou amenizar os sinais das varizes.

Enfim, agora que você conhece os tratamentos mais comuns, ficou com alguma pergunta rondando a cabeça?

Comenta aqui embaixo para que eu possa lhe ajudar e até o próximo post!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WhatsApp Nosso WhatsApp
%d blogueiros gostam disto: