Sem festejos, Virada Salvador terá shows ‘em casa’ e prefeitura busca apoio privado

Governo russo confirma acordo para fornecer 50 milhões de doses de vacina à Bahia
10 de setembro de 2020
Homem morre carbonizado após ter casa incendiada na Bahia; mulher é detida suspeita do crime
10 de setembro de 2020

Sem festejos, Virada Salvador terá shows ‘em casa’ e prefeitura busca apoio privado

Diante da impossibilidade de realizar o Festival Virada como nos anos anteriores, a Prefeitura de Salvador bateu o martelo sobre o cancelamento da edição 2021. Mas isso não significa que o próximo Réveillon será sem festa oficial.

“Nós estamos bolando um novo projeto para a virada de ano. Portanto, eu posso assegurar vocês que não vai passar em branco”, garantiu o prefeito ACM Neto (DEM) ao ser questionado sobre o assunto em coletiva de imprensa na manhã desta quinta-feira (10). Na ocasião, ele inaugurou o novo Mercado Municipal de Cajazeiras.

Ao falar sobre a festa, já tradicional no calendário de eventos da capital baiana, Neto disse que o formato “já está pensado”, mas não entrou em detalhes sobre a proposta porque a gestão está à procura de patrocínio.

“Estamos buscando apoio de empresas privadas e queremos que o investimento principal desse novo Réveillon seja feito pela iniciativa privada”, frisou Neto, apostando ainda que o evento será impactante para o Brasil.

O prefeito contou apenas que o novo formato da virada vai priorizar os meios digitais. Isso já tinha sido relatado pelo presidente da Empresa Salvador Turismo (Saltur), Isaac Edington, em entrevista ao programa Isso é Bahia. Em entrevista concedida no final de agosto, ele disse que o plano era fazer um evento virtual, com transmissão global, para que as pessoas pudessem acompanhar de suas casas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WhatsApp Nosso WhatsApp
%d blogueiros gostam disto: